Os Melhores Filmes na Apple TV+ – Março/22

Com tantas opções de streaming disponíveis hoje no Brasil e com centenas ou até mesmo milhares de filmes e séries de TV disponíveis em cada um desses inúmeros serviços, escolher uma obra para assistir pode se tornar uma árdua tarefa, principalmente quando estamos com amigos ou familiares. Quem nunca ficou mais tempo escolhendo um filme do que realmente o assistindo depois? Por esse motivo, criei o Legenda Sincronizada, com dicas diárias do que assistir e críticas dos principais lançamentos do cinema e da televisão.

Dessa vez, decidi trazer as opções mais aclamadas dos principais serviços de streaming disponíveis hoje no Brasil. São aquelas obras aclamadas que todo amante do cinemas ou de séries de TV precisa assistir. São opções quase que obrigatórias, e aqui serão apenas três obras por post, porque a intenção é não passar muito tempo escolhendo! E hoje vamos examinar as melhores opções da Apple TV+, a plataforma de streaming da Apple que foca em conteúdo próprio e parcerias, e que por isso ainda tem um catálogo bem pequeno atualmente. Vamos ao top 3!

WOLFWALKERS – 2020

Wolfwalkers é uma incrível fantasia/aventura em animação do estúdio irlandês Cartoon Saloon dirigida por Tomm Moore and Ross Stewart. O filme se passa num pequeno vilarejo da Irlanda no ano de 1650, quando a Inglaterra ocupa o país. A mando dos ingleses, os moradores da região desmatam a floresta dos arredores e matam os lobos que habitam aquelas matas. Nesse contexto, Robyn, uma garota inglesa que está na Irlanda com seu pai, um caçador de lobos, anseia por sair de casa e também se tornar uma caçadora, até o dia em que ela conhece Mebh, uma menina que vive na floresta e vai lhe apresentar a magia dos wolfwalkers. Vamos ver, por onde começar a falar desse filme fabuloso? Talvez pelo mais óbvio: a beleza dessa animação 2D! Com lindos traços e cores incríveis, Wolfwalkers dá um banho em qualquer animação 3D usando o mais moderno CGI. Outro destaque é a música: o filme tem maravilhosas composições que usam instrumentos típicos da Irlanda e ainda trazem uma nova versão da maravilhosa canção Running with the Wolves, da cantora Aurora!

ON THE ROCKS – 2020

Um típico filme da diretora Sofia Coppola no que diz respeito ao tom, mas com menos vigor do que seus trabalhos anteriores, On the Rocks é um filme que une o talento de uma ótima contadora de histórias com atores incríveis em situações inusitadas. O filme conta a história de Laura, uma mulher casada e mãe de duas filhas, que de repente começa a perceber mudanças no comportamento do marido, Dean. Ao desabafar sobre esse sentimento com seu pai, Felix, Laura acaba dando brecha para que ele comece também a desconfiar de que Dean tenha uma amante. A partir disso, então pai e filha se unem numa aventura para descobrir a verdade sobre o que está acontecendo e nesse meio tempo, terão que encarar algumas feridas abertas do passado. Rashida Jones é uma das minhas atrizes e escritoras favoritas, seu modo de atuação sutil e humano nos conquista facilmente e não há espectador que não se identifique com uma protagonista tão real, e isso acontece facilmente com Laura. Ao mesmo tempo, Bill Murray, no papel do pai, Felix (que lhe caiu como uma luva), é sedutor e convincente.

THE TRAGEDY OF MACBETH – 2021

Um filme da A24 e distribuído pela AppleTV+ que traz uma nova adaptação da famosa obra de William Shakespeare, The Tragedy of Macbeth é escrito e dirigido por Joel Coen em seu primeiro filme solo. Joel é conhecido por ter dirigido e escrito diversos outros filmes aclamados com seu irmão, Ethan Coen, mas dessa vez ele assina a obra sozinho. Com um elenco de estrelas, o filme reconta a história do bravo general escocês chamado Macbeth (vivido por um sempre sólido Denzel Washington) que recebe uma profecia de um trio de bruxas. Elas preveem que um dia ele se tornará rei da Escócia, despertando o desejo no homem. Assim, consumido pela ambição crescente e estimulado por sua esposa, Lady Macbeth (interpretada por Frances McDormand), ele assassina o o atual monarca, Rei Duncan (vivido por Brendan Gleeson) e toma o trono escocês para si. Para se manter no poder, Macbeth se cerca de mentiras e é, ao poucos, tomado pela culpa e pela paranoia. Forçado a cometer mais e mais assassinatos para se proteger de inimizades e suspeitas, ele logo se torna um homem cada vez mais diferente do que fora um dia.


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: