Os Melhores Filmes na Amazon Prime Video – Março/22

Com tantas opções de streaming disponíveis hoje no Brasil e com centenas ou até mesmo milhares de filmes e séries de TV disponíveis em cada um desses inúmeros serviços, escolher uma obra para assistir pode se tornar uma árdua tarefa, principalmente quando estamos com amigos ou familiares. Quem nunca ficou mais tempo escolhendo um filme do que realmente o assistindo depois? Por esse motivo, criei o Legenda Sincronizada, com dicas diárias do que assistir e críticas dos principais lançamentos do cinema e da televisão.

Dessa vez, decidi trazer as opções mais aclamadas dos principais serviços de streaming disponíveis hoje no Brasil. São aquelas obras aclamadas que todo amante do cinemas ou de séries de TV precisa assistir. São opções quase que obrigatórias, e aqui serão apenas três obras por post, porque a intenção é não passar muito tempo escolhendo! E hoje vamos examinar as melhores opções da Amazon Prime Video, um dos serviços mais baratos atualmente e com um catálogo expandindo cada vez mais. Vamos ao top 3!

MINARI – 2020

Alguns filmes apelam para a experiência de algumas pessoas, outros ressoam com todo um grupo de indivíduos. Já Minari é um tipo de filme cuja história transcende qualquer barreira, qualquer divisão. É uma história universal de luta e de pertencimento com a qual qualquer pessoa cria algum tipo de identificação. Inspirada na infância do diretor do filme, Lee Isaac Chung, sua trama conta a história da família coreana-americana Yi, pela perspectiva do pequeno David (interpretado por um excelente Alan Kim), de apenas sete anos. Nos anos 80, a família se muda da Califórnia para o interior do Arkansas onde o pai, Jacob (vivido por um ótimo Steven Yeun) tem a intenção de começar uma fazenda. Mas nem todo mundo está feliz com essa ideia, principalmente a mãe, Monica (interpretada por uma fabulosa Han Ye-ri). É com a chegada da avó Soon-ja (vivida pela extraordinária Yoon Yuh-Jung) que a vida no local passa a ter um novo significado.

A BRUXA DE BLAIR – 1999

Em 1999 em tinha meus 11 anos de idade e tinha ouvido falar de um filme com cenas reais feito com “fitas” encontradas numa floresta. Na época eu não ia ao cinema, então foi só um rumor que eu ouvi, mas depois que A Bruxa de Blair saiu nas locadoras para aluguel, a história voltou com a mesma força, e eu tive que alugar, mesmo que naquele momento a versão de que as imagens do filme fossem reais já tivesse enfraquecido. De qualquer forma, o medo de assistir A Bruxa de Blair continuou real! E foi uma das experiências mais incríveis que eu já vivi. Ele não é o primeiro filme de “found footage” ou “mocumentário” que existiu, mas foi o filme que revolucionou essas ideias e tornou essas técnicas populares até hoje, mais de 20 anos depois! A história de A Bruxa de Blair foca em três estudantes de cinema que vão gravar um documentário sobre a lenda da bruxa nas florestes do estado de Maryland, nos EUA, e acabam se perdendo na mata. Anos depois as gravações são encontradas e o filme seria composto desse material coletado, que mostra o destino dos estudantes desaparecidos. 

MINHA VIDA DE ABOBRINHA – 2016

Uma animação suíça filmada em spot-motion, Minha Vida de Abobrinha (Ma vie de courgette, no original em francês, My Life as a Zucchini em inglês) é um dos filmes mais adoráveis que já assisti. O filme é dirigido pelo suíço Claude Barras, que também co-escreve o roteiro ao lado de outros nomes, como da veterana francesa Céline Sciamma (diretora de Retrato de uma Jovem em Chamas). A trama conta a história de Courgette (Abobrinha), um garotinho de 9 anos que é mandado para um orfanato após a morte da sua mãe, da qual ele se sente culpado. No orfanato, Courgette tem dificuldades em se integrar e interagir com as outras crianças, até que ele percebe que todas elas passam por problemas muito parecidos com os dele e a relação com o policial Raymond, que é o encarregado do seu caso, se aproxima, aos poucos, de uma relação de família que Courgette nunca teve. Um filme emocionante e que funciona para pessoas de todas as idades, Minha Vida de Abobrinha é apaixonante e, sobretudo, honesto.


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: