HAPPY CHRISTMAS – 2014

Mumblecore é um dos subgêneros de cinema mais incompreendidos que existem. Geralmente uma fusão de drama com comédia cujo foco está 100% em diálogos longos e autênticos entre as personagens, muitas vezes até mesmo improvisado, esse tipo de filme é quase sempre independente e de baixo orçamento, pois não necessita de cenas muito mirabolantes. Tudo o que você precisa para fazer um bom mumblecore é ter uma câmera na mão e uma boa história para contar. E esse é o caso do adorável Happy Christmas (Um Novo Começo na versão em português), dirigido e escrito pelo talentoso Joe Swanberg, famoso por produzir e atuar em diversos mumblecores excelentes. Bem recebido pela crítica, mas nem tanto pelo público, Happy Christmas com certeza merece uma chance. Ele conta a história de Jenny (vivida pela sempre eficiente Anna Kandrick), uma jovem que, após terminar o namoro, passa a morar no porão da casa do irmão mais velho, Jeff (interpretado pelo próprio Joe Swanberg). Jeff é casado com a encantadora Kelly (vivida pela ótima Melanie Lynskey) e o casal tem um filhinho de apenas dois anos. A chegada de Jenny, contudo, vai abalar as estruturas da família e mexer com os sentimentos de Kelly, que colocou sua vida em pausa após o nascimento do filho. Às vésperas do Natal, Jenny e Kelly vão criar uma inusitada amizade que vai influenciar as vidas uma da outra.

Muita gente não tem paciência para a quantidade de conversas de um mumblecore, mesmo que o filme tenha menos de uma hora e meia, como é o caso de Happy Christmas. O que é uma pena, uma vez que diálogos são o coração de qualquer filme. São nas conversas com amigos, familiares, parceiros e conhecidos no geral que mostramos quem somos de verdade, e por isso admiro tanto um bom mumblecore. O filme consegue nos mostrar quem são essas personagens de forma bastante clara através das diversas interações e interlocuções, tudo isso com um texto inteligente e criativo. Mergulhamos nas vidas das personagens de forma profunda, não somente por conta do texto, mas também pelas ótimas atuações, todas muito naturais, como deve ser num filme como esse. No fim das contas, percebemos como as personagens influenciam umas as outras, assim como nós influenciamos e somos influenciados por aqueles com quem convivemos, e essa é a mágica da vida – e a mágica do mumblecore.

Nota 9!

No momento da publicação deste artigo, Happy Christmas está disponível para aluguel e compra no iTunes. Se você se interessou pelo filme e quer conhecer mais sobre ele, incluindo outras opiniões, abaixo você encontra o link para o Letterboxd, uma rede social de pessoas que comentam todas as obras do mundo do cinema. Além disso, já que os filmes estão sempre mudando de streaming, você pode visitar o JustWatch, uma ferramenta que mostra a disponibilidade de filmes e séries em todas as plataformas de diversos países, para conferir de forma atualizada onde assisti-los!


Veja também:


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: