Os Melhores Filmes na Netflix – Maio/22

Com tantas opções de streaming disponíveis hoje no Brasil e com centenas ou até mesmo milhares de filmes e séries de TV disponíveis em cada um desses inúmeros serviços, escolher uma obra para assistir pode se tornar uma árdua tarefa, principalmente quando estamos com amigos ou familiares. Quem nunca ficou mais tempo escolhendo um filme do que realmente o assistindo depois? Por esse motivo, criei o Legenda Sincronizada, com dicas diárias do que assistir e críticas dos principais lançamentos do cinema e da televisão.

Dessa vez, decidi trazer as opções mais aclamadas dos principais serviços de streaming disponíveis hoje no Brasil. São aquelas obras aclamadas que todo amante do cinemas ou de séries de TV precisa assistir. São opções quase que obrigatórias, e aqui serão apenas três obras por post, porque a intenção é não passar muito tempo escolhendo! E hoje vamos examinar as melhores opções da Netflix, a pioneira no serviço de streaming e detentora de um dos maiores catálogos de filmes e séries atualmente. E vamos conhecer 3 opções imperdíveis da plataforma nesse mês de maio!

SPIDER-MAN: INTO THE SPIDER-VERSE – 2018

Tendo em vista a chegada do tão aguardado terceiro filme do Homem-Aranha no Universo Cinemático da Marvel, Spider-Man: No Way Home, que será lançado no final de dezembro, decidi trazer aqui algumas das considerações que eu tenho sobre o melhor longa-metragem desse super-herói até hoje: Spider-Man: Into the Spider-Verse, que em português leva o título de Homem-Aranha no Aranhaverso. A animação da Sony Pictures Animation é dirigida por Bob Persichetti, Peter Ramsey e Rodney Rothman e se trata do primeiro filme de animação nessa longa franquia de filmes do Homem-Aranha que já passou por tantas versões desde a virada do século. Aclamado pela crítica e pelo público, o filme recebeu diversos prêmios, inclusive o Oscar de Melhor Animação e traz como protagonista o jovem Miles Morales (dublado por Shameik Moore), que se torna o novo Homem-Aranha após a morte de Peter Parker (dublado por Chris Pine). Enquanto Miles tenta conciliar entre ser um estudante do ensino médio e ser um super-herói, ele decide visitar o túmulo de seu ídolo em uma noite chuvosa e é surpreendido com a presença do próprio Peter. Ele logo vai descobrir que se trata de uma nova versão de Peter que veio de uma dimensão paralela, assim como diversas outras versões do Homem-Aranha que começam a aparecer na cidade.

THE POWER OF THE DOG – 2021

O filme que marca o retorno da cineasta neo-zelandesa Jane Campion para as telas do cinema, The Power of the Dog (que em português leva o título de Ataque dos Cães) é um drama com inspiração de filmes de faroeste e que exala suspense e tensão a todo momento. Ele acabou de vencer o prêmio de melhor direção no Festival de Veneza, que aconteceu recentemente. Isso mostra que, depois de doze anos sem um novo filme, a diretora e roteirista do fabuloso O Piano (que levou o Oscar de melhor Roteiro Original no início dos anos 90) está de volta e mais afiada do que nunca. Importante mencionar que, nesses últimos anos longe do cinema, Campion não esteve parada, ela inclusive produziu uma das séries mais chocantes e impactantes dos últimos anos, a excelente Top of the Lake. E seu aguardado retorno é no comando de uma história baseada num romance de 1967 escrito pelo autor estadunidense Thomas Savage, também chamado The Power of the Dog

INVASÃO ZUMBI – 2016

Invasão Zumbi (também conhecido pelo título em inglês, Train to Busan) é sem dúvidas um dos melhores filmes sobre apocalipse zumbi já produzidos. A premissa pode ser pouco original e muito similar a outros filmes do gênero: um vírus misterioso transforma pessoas infectadas em zumbis e uma das últimas esperanças na Coreia do Sul é procurar abrigo na cidade de Busan, uma das únicas que conseguiu se manter livre do vírus. Dessa forma, a história do filme se passa praticamente toda dentro de um trem que segue em direção à cidade, onde os sobreviventes precisam lutar desesperadamente por suas vidas. Para quem gosta de filmes de zumbi, essa é uma produção essencial, porque apesar do enredo não parecer revolucionar o subgênero, a forma com a qual a história é contada é realmente excelente.


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site criado com WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: