SHINJUKU BOYS – 1995

Um marco no cinema LGBTQ+ mundial, Shinjuku Boys é um incrível documentário dirigido pelas cineastas britânicas Kim Longinotto e Jano Williams. O filme, em grande parte, se passa na boate New Marilyn em Tóquio, Japão, onde os anfitriões são homens transgêneros. Nesse contexto, acompanhamos as histórias de Gaish, Kazuki e Tatsu, três homens trans que vivem e encaram suas identidades de gênero de formas distintas. Eles só podem ganhar a vida como anfitriões em uma boate com outros “onnabes”, o nome dado a homens trans no contexto japonês da época. As jovens mulheres que visitam o clube costumam ter relacionamentos com eles, mas o medo subjacente é se esses relacionamentos vão realmente conseguir resistir às pressões da sociedade, principalmente às expectativas de se casar e ter filhos. Todos os três rapazes lidam com isso de maneiras diferentes e o documentário mergulha em suas formas de enxergar um mundo no qual eles não se encaixam.

Algumas vezes comparado ao igualmente revolucionário documentário Paris Is Burning, Shinjuku Boys é impactante desde o primeiro minutos e emociona a cada depoimento. Ouvir as histórias e conhecer as vidas de Gaish, Kazuki e Tatsu nos leva a um mundo novo e muitas vezes assustador, principalmente dado o contexto do Japão nos anos 90, quando a transexualidade era um tabu ainda maior do que é hoje. Dessa forma, entender as jornadas corajosas desses homens trans é um exercício de empatia que é muito bem traduzido pelo filme, que não faz julgamentos de valor em nenhum momento. Em menos de uma hora de duração, aprendemos que as formas de levar as vidas desses três homens são bastante distintas umas das outras, mas todas válidas e justificadas pelas experiências que eles tiveram ao longo dos anos. Infelizmente, o documentário é curto e não nos dá a chance de nos aprofundarmos de forma intensa nos temas abordados, mas o pouco que temos já é o bastante para deixar uma marca profunda nos espectadores que souberem aproveitar essa transformadora obra do cinema LGBTQ+.

Nota 10!

No momento da publicação deste artigo, Shinjuku Boys está disponível nas plataformas oficiais de streaming ou de aluguel do Brasil, mas pode ser facilmente encontrado em sites como o YouTube. Se você se interessou por essa obra e quer conhecer mais sobre ela, incluindo outras opiniões, abaixo você encontra o link para o Letterboxd e para o TvTime, que são redes sociais de pessoas que comentam todas as obras do mundo do cinema e da televisão. Além disso, já que os filmes e as séries estão sempre mudando de streaming, você pode visitar o JustWatch, uma ferramenta que mostra a disponibilidade de filmes e séries em todas as plataformas de diversos países, para conferir de forma atualizada onde assisti-los! 🎥


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site criado com WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: