Os Melhores Filmes no Looke – Maio/22

Com tantas opções de streaming disponíveis hoje no Brasil e com centenas ou até mesmo milhares de filmes e séries de TV disponíveis em cada um desses inúmeros serviços, escolher uma obra para assistir pode se tornar uma árdua tarefa, principalmente quando estamos com amigos ou familiares. Quem nunca ficou mais tempo escolhendo um filme do que realmente o assistindo depois? Por esse motivo, criei o Legenda Sincronizada, com dicas diárias do que assistir e críticas dos principais lançamentos do cinema e da televisão.

Dessa vez, decidi trazer as opções mais aclamadas dos principais serviços de streaming disponíveis hoje no Brasil. São aquelas obras aclamadas que todo amante do cinemas ou de séries de TV precisa assistir. São opções quase que obrigatórias, e aqui serão apenas três obras por post, porque a intenção é não passar muito tempo escolhendo! E hoje vamos examinar as melhores opções do Looke, uma plataforma de streaming criada no Brasil e que vem crescendo nos últimos anos. Vamos ao top 3 de maio!

CLOSET MONSTER – 2015

Este ótimo filme canadense dirigido e escrito por Stephen Dunn é um lindo drama com elementos de fantasia e de terror corporal, o conhecido body horror. Closet Monster (que em português recebe o nome de O Monstro no Armário, ou ainda com o estranho título de Oscar & Wilder, Amor Improvável) conta a história de Oscar (vivido por um ótimo Connor Jessup) um jovem gay de 18 anos que não se sente totalmente preparado para sair do armário e revelar a sua sexualidade para o mundo, principalmente por conta dos traumas que viveu na infância. Além da separação dos pais, aos 8 anos de idade, Oscar testemunha um ataque homofóbico a um rapaz próximo a sua escola, que o choca e criam nele uma difícil relação com a sua própria homossexualidade, além do fato de que ele vive com o pai (cujo papel é desempenhado por Aaron Abrams), que é claramente homofóbico. Nesse contexto, um de seus únicos amigos é uma hamster chamada Buffy, com quem ele conversa desde criança. Agora, preparando a sua ida para a universidade, Oscar conhece um novo colega de trabalho chamado Wilder (interpretado por Aliocha Schneider), que vai fazer com que o rapaz coloque em jogo sua homofobia internalizada, que acaba se manifestando na forma de fortes dores no abdomen.

REC – 2007

Esse maravilhoso filme de terror espanhol é um found footage dirigido e co-escrito pelos cineastas Jaume Balagueró e Paco Plaza. O filme foi um sucesso de público e de crítica, mesmo com seu orçamento limitado, e acabou de tornando um clássico do terror independente moderno que ajudou a popularizar o formato de found footage nos anos 2000. Rec acompanha uma equipe de jornalistas composta pela reporter Ángela Vidal (interpretada pela ótima Manuela Velasco) e pelo cameraman Pablo (vivido por Pablo Rosso) enquanto eles filmam a rotina de bombeiros numa estação de Barcelona para o programa “Mientras usted duerme” (Enquanto Você Dorme). Quando os bombeiros são acionados para uma situação de emergência num apartamento da região, Ángela e Pablo seguem de perto e documentam toda a ocorrência. O que ninguém ali esperava era que as coisas sairiam de controle rapidamente quando as pessoas no condomínio em questão começam a apresentar um comportamento assustador e inesperado.

NA PRAIA À NOITE SOZINHA – 2017

Na Praia Sozinha à Noite, também conhecido pelo seu título em inglês On the Beach at Night Alone (ou Bamui Haebyeoneseo Honja no original em coreano) é um filme de drama da Coreia do Sul de 2017. Ele foi escrito, produzido e dirigido pelo aclamado cineasta Hong Sang-soo, o rei do “mumblecore” coreano. Isso porque a grande maioria dos seus filmes são reconhecidos pelas cenas espontâneas de realismo doméstico, com foco nos sentimentos dos personagens, cujos diálogos são geralmente mais banais do que o de costume. Dessa vez acompanhamos a história de Young-hee (interpretada pela sempre competente Kim Min-hee), uma atriz decadente que está estressada por ter vivido um relacionamento com um homem casado na Coreia que trabalha como diretor de cinema, algo que colocou a carreira dela em risco. Após passar um tempo passa um tempo numa cidade estrangeira, a jovem volta à Coreia do Sul e precisa confrontar seus sentimentos pelo ex-amante e sua relação com o amor. Numa noite na praia ela se pergunta qual o papel que o amor tem na sua vida e se o diretor ainda pensa nela da forma que ela pensa nele.


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site criado com WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: