SPENCER – 2021

O aguardado filme que retrata momentos da vida de uma das figuras mais emblemáticas do século XX, Spencer (que mantém o mesmo título em português) entra para a longa lista de obras biográficas lançadas em 2021, embora neste caso, a trama seja completamente uma dramatização. Escrito por Steven Knight e dirigido pelo cineasta chileno Pablo Larraín, conhecido pelos seus filmes inovadores e por outras biografias, como Jackie e Neruda (ambos de 2016), Spencer narra os acontecimentos fictícios do natal de 1991, quando a então princesa Diana (vivida magistralmente por Kristen Stewart), emocionalmente fragilizada, decide se divorciar do príncipe Charles, que vivia um affair com outra mulher. No decorrer de alguns dias, vemos Diana lutando contra a depressão e a bulimia, presenciamos sua solidão e sua infelicidade com relação às duras regras da família real enquanto mantém seu apreço pelos filhos.

Lento e intimista, como era de se esperar vindo das mãos de Larraín, Spencer é um drama psicológico que mergulha no estado de espírito da protagonista. A decisão de focar num momento específico da vida de Diana é acertada, mas pode desapontar aqueles que esperam um biografia mais tradicional. Não é o caso aqui, certamente. O filme procura examinar um dos períodos mais dramáticos e difíceis da vida da ex-princesa de forma fictícia, mais precisamente a sua decisão de terminar o casamento com príncipe Charles. Com essa estratégia, o filme consegue com facilidade nos colocar no lugar de Diana, maravilhosamente interpretada por Kristen Stewart. É uma atuação assombrosamente eficaz, não só pela semelhança física e pelos trejeitos, mas pela capacidade da atriz em trazer à tona suas emoções. O cenário e os figurinos também merecem destaque e nos transportam para o traumatizante mundo de contos de fadas da família real britânica. Há também alguns comentários perspicazes sobre a própria manutenção da família real e sua relação com a população do Reino Unido, que talvez pudessem ter sido ainda mais contundentes. Outro ponto questionável está na música utilizada no decorrer do filme, que parece um tanto deslocada. Ainda assim, Spencer é uma obra impressionante nos mais diversos sentidos.

Nota 8

No momento da publicação deste artigo, Spencer ainda não está disponível nas plataformas oficiais de streaming ou de aluguel do Brasil. Se você se interessou pelo filme e quer conhecer mais sobre ele, incluindo outras opiniões, abaixo você encontra o link para o Letterboxd, uma rede social de pessoas que comentam todas as obras do mundo do cinema. Além disso, você pode clicar em JustWatch, uma ferramenta que mostra a disponibilidade de filmes e séries em todas as plataformas de diversos países para conferir de forma atualizada onde assisti-los!


Veja também:


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: