THE MEDIUM – 2021

Um filme de terror da Tailândia, The Medium (ainda sem título em português e que no original em tailandês se chama Rang Song) é um “mocumentário”, ou seja, uma obra filmada num formato que finge ser um documentário, mas que se trata, na verdade, de uma história completamente fictícia. O filme foi o escolhido da Tailândia para representar o país no Oscar de Melhor Filme Internacional, o que é um pouco inusitado, devido à pouca probabilidade da Academia escolher filmes de terror para concorrer ao Oscar, seja ele na categoria que for. De qualquer forma, o filme tailandês dirigido por Banjong Pisanthanakun se enquadra em moldes relativamente semelhantes a alguns filmes ocidentais do gênero. Ele conta a história de Nim (vivida por Sawanee Utoomma), uma xamã da região de Isan, no nordeste da Tailândia, que precisa lidar com situações assustadoras quando sua sobrinha Mink (interpretada por Narilya Gulmongkolpech) parece ter sido possuída pelo espírito de uma deusa, o que significa que a garota precisará ser a nova xamã da comunidade. O que Nim não contava é que essa possessão não parece ser tão benevolente quanto à que aconteceu com ela anos atrás, e ela vai precisar de muita coragem e alguma ajuda para salvar sua sobrinha e as outras pessoas do vilarejo.

Há muitos elementos bons em The Medium, incluindo o formato de falso documentário, que dá ao filme uma atmosfera tensa e imprevisível, onde parece que qualquer coisa pode acontecer – e, às vezes, acontece. A direção também é sólida e a bela fotografia cria um clima convidativo (e nesse caso, claro, o lindo cenário do interior tailandês ajuda significativamente). Por outro lado, mesmo que seja revigorated ver um filme tão inserido na cultura do Sudeste Asiático, existem alguns temas e motivos que já estão cansativos (menstruação, suicídio, etc) e que tornam a história um pouco familiar demais, não no bom sentido. Algumas cenas exageradas junto com uma atuação irregular também tornam o terror menos convincente, e é aí que o estilo documentário não ajuda muito. The Medium também é longo, com um primeiro ato muito lento e com diversas sequências que poderiam e deveriam ter sido deixadas de fora, pois não adicionam na narrativa como um todo e fazem o filme se arrastar. Mas mesmo com esses problemas, é uma interessante tentativa de terror independente fora do centro EUA-Europa com algumas cenas aterrorizantes, principalmente na conclusão, então merece nossa atenção!

Nota 6!

No momento da publicação deste artigo, The Medium ainda não está disponível nas plataformas oficiais de streaming ou de aluguel do Brasil. Se você se interessou pelo filme e quer conhecer mais sobre ele, incluindo outras opiniões, abaixo você encontra o link para o Letterboxd, uma rede social de pessoas que comentam todas as obras do mundo do cinema. Além disso, você pode clicar em JustWatch, uma ferramenta que mostra a disponibilidade de filmes e séries em todas as plataformas de diversos países para conferir de forma atualizada onde assisti-los!


Veja também:


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: