WRATH OF MAN – 2021

O filme dirigido por Guy Ritchie e protagonizado pelo sempre eficaz Jason Statham é o que se espera de um filme dirigido por Guy Ritchie e protagonizado por Jason Statham: muito homem tóxico com armas. Baseado no filme francês de 2004 chamado Le Convoyeur, a versão em língua inglesa é um suspense repleto de cenas de ação. Wrath of Man (que eu português levou o nome de Infiltrado) conta a história do misterioso H (vivido por um sempre sólido Jason Statham), um homem frio e eficiente no trabalho que está nas primeiras semanas no seu novo emprego como segurança de uma transportadora de dinheiro. A empresa de H é responsável por levar milhões e milhões de dólares pelas ruas de Los Angeles, algo que chama a atenção de todo tipo de pessoa e que certamente trará perigos desafios ao novato H e seus colegas de trabalho.

Começando pelos pontos positivos: Wrath of Man tem um visual bonito, com tomadas incríveis da região de Los Angeles que realmente enchem os olhos. Além disso, o clima de tesão é bem construído, principalmente com a trilha sonora que traz uma vibe ameaçadora e que faz todo o sentido uma vez que o filme quer nos dar uma atmosfera de perigo constante. O uso da música talvez chegue a ser exagerado, é a mesma música praticamente do início ao fim do filme, mas não dá pra negar que ela seja eficiente. Quanto às atuações, elas são todas decentes, e tem algo em Jason Statham que é magnético, não importa o papel que ele faça. Esse filme, mesmo, onde o sabemos muito pouco sobre H durante grande parte da narrativa, o que nos engaja na história é Statham. Agora, quando o assunto é história, aí temos o tipico filme do Guy Ritchie, e não digo isso no bom sentido. Wrath of Man tenta criar uma história de suspense repleta de reviravoltas e twists que no começo são confusos, e no final são chatos. Os personagens são todos detestáveis, sexistas, homofóbicos e irritantes, sejam eles vilões ou mocinhos. E a cada três cenas, duas envolvem tiroteio, morte e perseguição, o que me parece um enorme exagero. Nos primeiro 20 minutos o filme já fica cansativo. E for fim, não há nada, absolutamente nada de novo no enredo do filme! Não vou dar detalhes aqui, uma vez que o filme depende bastante das revelações bombásticas que acontecem durante a narrativa, mas no fim das contas, é mais do mesmo!

Nota 3!

Wrath of Man ainda não estreou nas plataformas de streaming e de aluguel oficiais do Brasil.


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: