E SUA MÃE TAMBÉM – 2001

Um sucesso do cinema mexicano que conquistou o público e a crítica da época, E Sua Mãe Também, que no original em espanhol leva o título de Y Tu Mamá También, mistura drama e tragicomédia num filme de viagem pelas deslumbrantes e rústicas paisagens do México. Dirigido pelo talentosíssimo Alfonso Cuarón, o filme foi indicado ao Oscar de Melhor Filhe Estrangeiro e ajudou a alavancar as carreiras de vários dos envolvidos. Escrito por Alfonso juntamente com seu irmão, Carlos Cuarón, a trama narra a história de dois amigos adolescentes: Julio (interpretado por um sempre inspirado Gael García Bernal), de classe social mais baixa, e Tenoch (vivido pelo sempre dedicado Diego Luna), que, por sua vez, pertence a uma família mais bem afortunada financeiramente. Quando suas respectivas namoradas decidem fazer uma viagem na Itália, os jovens voltam a ter vidas de solteiros e decidem convidar Luisa (vivida pela impressionante Maribel Verdú), uma mulher mais velha que eles conheceram num casamento, para fazer uma viagem até uma praia paradisíaca. E assim os três embarcam numa aventura pelas paisagens rurais do México rumo a descobertas que mudarão seus destinos e suas visões de mundo para o resto de suas vidas.

E Sua Mãe Também é muitos filmes em um só. Com uma história que se passa em 1999, o filme foca nas importantes mudanças sociais pelas quais o México passa quando finalmente o governo muda de mãos após sete décadas com o mesmo partido do poder. Essa visão social, tão característica nos filmes de Cuarón, faz toda a diferença na narrativa, pois dá a ela um contexto no qual as personagens fazem sentido e se desenvolvem com embasamento. Além, é claro, de destacar as inúmeras injustiças sociais do país de forma bastante perceptível e palpável, até mesmo pela dinâmica entre os protagonistas. Ao mesmo tempo, E Sua Mãe Também é um coming of age, um filme sobre amadurecimento de dois jovens que não sabem nada da vida – inexperientes sexualmente, muito embora queiram provar o contrário, eles também são inexperientes no que diz respeito às formas de encarar o mundo e seus dilemas. E o filme é bom nas duas frentes, ou melhor, é fantástico! O texto maravilhosamente escrito consegue nos fazer acreditar nas personagens, nas suas existências e nos seus dramas. A direção minuciosa também cria um ambiente perfeito para o desenvolvimento daquelas personagens tão complexas, que é sem dúvidas auxiliado pelas atuações majestosas de Gael García Bernal, Diego Luna e Maribel Verdú. E com eles, nós, expectadores, crescemos e aprendemos juntos.

Nota 10!

No momento, E Sua Mãe Também não está disponível nas em plataformas oficiais de streaming ou de aluguel do Brasil.


Veja também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: